Avaliação pós-ocupacional sob a ótica dos usuários

Edifício Dandara

Autores

  • Paula Lopes Terra Losnak
  • Giovana Innocenti Strabelli

DOI:

https://doi.org/10.17271/2317860492220212868

Resumo

A cidade de São Paulo possui um grave déficit habitacional que afeta desde as periferias até o centro da cidade, e a única forma das famílias de baixa renda terem acesso às áreas centrais se dá por meio da ocupação dos inúmeros edifícios que não cumprem sua função social. O presente trabalho realiza a Avaliação Pós-ocupacional (APO) no que tange à funcionalidade e ao conforto ambiental do Edifício Dandara, após passar por um processo de retrofit, uma solução para a problemática habitacional no centro de São Paulo. De caráter puro, a pesquisa exploratória se pautou em levantamentos bibliográficos e documentais, além da pesquisa de campo, por meio das ferramentas de APO como walkthrough, aplicação de questionários e entrevista com o responsável pelo projeto de retrofit para a compreensão da temática e diagnóstico do edifício. Por estar relacionado ao programa Minha Casa Minha Vida – Entidades, o projeto visava produzir o maior número de unidades possíveis no edifício existente, chegando a 120 unidades, voltadas às famílias menores. A partir de análises, concluiu-se que a maioria dos moradores está satisfeita com seus apartamentos. Contudo, questões como o conforto lumínico e térmico e a funcionalidade ficaram comprometidas nos casos em que a composição familiar se ampliou. Conclui-se então, que o retrofit aponta para uma alternativa viável e eficaz para ajudar na problemática habitacional e segregação urbana das cidades, desde que pensada nas transformações familiares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-03-17

Como Citar

Losnak, P. L. T. ., & Strabelli, G. I. . (2021). Avaliação pós-ocupacional sob a ótica dos usuários: Edifício Dandara. Periódico Técnico E Científico Cidades Verdes, 9(22). https://doi.org/10.17271/2317860492220212868

Edição

Seção

Artigos