VARIABILIDADE HIDROSSEDIMENTOLOGICAS NOS CANAIS SECUNDARIOS DA PLANÍCIE FLUVIAL DO ALTO RIO PARANA

Autores

  • Renata Pereira Prates
  • Paulo Cesar Rocha

DOI:

https://doi.org/10.17271/19800827722011126

Resumo

O trabalho caracteriza-se pela análise espacial e sazonal da concentração de sedimentos em suspensão e da distribuição granulométrica no leito em dez seções transversais distribuídas nos canais secundários da Planície Fluvial do Alto Rio Paraná, através de seis amostragens com periodicidade sazonal. A metodologia empregada consistiu em amostragens de campo e análise laboratorial. Nos trabalhos de campo, a amostragem nas seções de estudos para a coleta de sedimento de fundo foram realizadas através de um amostrador do tipo Van- Veen. As amostras de material de fundo foram coletadas com auxilio de um barco e colocadas em saco plásticos devidamente identificados.A análise sedimentológica e hidrodinâmica do sistema rio-planície de inundação do rio Paraná, possíbilita o entendimento do funcionamento e interações presentes neste meio fluvial.as relações entre os materiais em transporte no leito podem auxiliar na determinação de áreas e processos de deposição, servindo também como indicadores de transformação no sistema fluvial, como a presença de drenos servindo como fonte de sedimentos para os canais, atuando como importante parâmetro para avaliação de mudanças ocorridas no uso e ocupação do solo em áreas de preservação permanente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-11-10

Como Citar

Prates, R. P., & Rocha, P. C. (2011). VARIABILIDADE HIDROSSEDIMENTOLOGICAS NOS CANAIS SECUNDARIOS DA PLANÍCIE FLUVIAL DO ALTO RIO PARANA. Periódico Eletrônico Fórum Ambiental Da Alta Paulista, 7(2). https://doi.org/10.17271/19800827722011126