Qualidade microbiológica da água do Córrego das Marrecas no município de Dracena - SP

Autores

  • Osmar Pereira da Silva Junior
  • Sergio Luís de Carvalho
  • Juliana Heloisa Pinê Américo-Pinheiro

DOI:

https://doi.org/10.17271/1980082713420171695

Resumo

Este trabalho se propôs a analisar a ocorrência da Escherichia coli do grupo coliformes que são utilizados como indicadores de poluição fecal, no Córrego das Marrecas no município de Dracena – SP, este córrego tem sua nascente dentro do perímetro urbano, local em que é canalizado por uma galeria até o perímetro rural onde recebe o efluente de uma estação de tratamento de esgoto, foram realizadas duas coletas, uma no mês de abril e outra no mês de maio de 2017 em cinco pontos, um ponto próximo a nascente, outro antes do lançamento do efluente, um imediatamente após o lançamento, outro a jusante do lançamento e o último na foz do córrego no município de Panorama – SP, os pontos foram os mesmos nas duas coletas. Após as análises verificou-se a existência da Escherichia coli em todos os pontos em ambas as coletas. De acordo com os resultados obtidos neste trabalho, os valores de E. coli estão acima dos recomendados pela Cetesb. Pode-se concluir que os principais condicionantes para os valores mais altos de Escherichia coli encontrados neste córrego é o lançamento de efluente da estação de tratamento de esgoto, água de drenagem urbana e o contato direto com a tubulação de águas residuais que pode apresentar vazamentos contaminando a nascente. Palavras – chave: Coliformes, Escherichia coli. Qualidade da água.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

19-12-2017

Como Citar

Silva Junior, O. P. da, Carvalho, S. L. de, & Américo-Pinheiro, J. H. P. (2017). Qualidade microbiológica da água do Córrego das Marrecas no município de Dracena - SP. Periódico Eletrônico Fórum Ambiental Da Alta Paulista, 13(4). https://doi.org/10.17271/1980082713420171695

Edição

Seção

Artigo Completo

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>