A IMPORTÂNCIA DO SPRING COMO UMA FERRAMENTA DE ANÁLISE AMBIENTAL: CASO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO UERÊ/MS

Autores

  • Paulo Henrique Vieira
  • Adalto Moreira Braz
  • Patrícia Helena Mirandola

DOI:

https://doi.org/10.17271/19800827822012241

Resumo

O presente trabalho tem como enfoque demonstrar a importância do SIG (Sistema de Informação Geográfica), no caso desse trabalho o SPRING, como uma ferramenta que auxilie o usuário deste programa nas análises ambientais necessárias para o seu estudo. O Objetivo deste trabalho foi usar esses sistemas como uma poderosa aliada do pesquisador na análise ambiental, neste caso específico da bacia hidrográfica do Uerê, localizada no município de Bataguassu que fica na micro região de nova Andradina, situada no estado do Mato Grosso do Sul. Para isso foi necessário seguir alguns procedimento metodológicos: Trabalhos de Gabinete se resume a revisão bibliográfica que abrangem o tema estudado; Composição da Estrutura Sistêmica, o sistema estudado integra um componente maior e assim sucessivamente; Levantamento de Dados consiste em um levantamento de dados utilizados no trabalho entre eles, aquisição de dados orbitais, imagens SRTM entre outros; Técnicas de Geoprocessamento, divididas entre três etapas Pré-geoprocessamento, Geoprocessamento e Pós-geoprocessamento; Criação de um Banco de Dados, com informações referentes ao objeto estudado; e Divulgação dos Resultados. As bacias hidrográficas são importantes objetos de análise, principalmente aos geógrafos que tem a facilidade de integra dados sociais e ambientais que integram esse complexo sistema ambiental que são as bacias hidrográficas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-11-10

Como Citar

Vieira, P. H., Braz, A. M., & Mirandola, P. H. (2012). A IMPORTÂNCIA DO SPRING COMO UMA FERRAMENTA DE ANÁLISE AMBIENTAL: CASO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO UERÊ/MS. Periódico Eletrônico Fórum Ambiental Da Alta Paulista, 8(2). https://doi.org/10.17271/19800827822012241

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)