APLICAÇÃO DE LUZ UV SOLAR ASSOCIADA COM PERÓXIDO DE HIDROGÊNIO NO TRATAMENTO DA VINHAÇA

Autores

  • Lays Harumi Morimoto
  • Pedro Miguel Alves Almeida
  • Maria Cristina Rizk

DOI:

https://doi.org/10.17271/198008279112013680

Resumo

RESUMO: A vinhaça, resíduo líquido gerado na destilação de etanol, apresenta elevadas concentrações de poluentes. Se disposta inadequadamente, pode contaminar o solo e os recursos hídricos superficiais e subterrâneos. Nesse sentido, o presente trabalho teve como objetivo estudar o tratamento da vinhaça por H2O2/UV solar, em pH 5,0. Para isso, foi usado um reator composto por vidros curvos de borossilicato e mangueiras de silicone, no qual a vinhaça ficou em circulação, mantendo-se exposta à radiação UV solar. Houve a variação da concentração de H2O2 e do tempo de exposição à radiação UV. Cada ensaio teve duração de 180 minutos, nos quais as amostras eram retiradas a cada 30 minutos. Os principais resultados obtidos para remoção de cor, turbidez e DQO foram de 41,72; 51,08 e 36,19%, após 120, 180 e 180 minutos de exposição à UV solar, respectivamente, nas concentrações de 27,02; 16,37 e 5,51g.L-1 de H2O2.

 

Palavras-chave: Poluição ambiental. Efluente industrial. Processo oxidativo avançado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-11-10

Como Citar

Harumi Morimoto, L., Miguel Alves Almeida, P., & Cristina Rizk, M. (2013). APLICAÇÃO DE LUZ UV SOLAR ASSOCIADA COM PERÓXIDO DE HIDROGÊNIO NO TRATAMENTO DA VINHAÇA. Periódico Eletrônico Fórum Ambiental Da Alta Paulista, 9(11). https://doi.org/10.17271/198008279112013680

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)